quarta-feira, 20 de junho de 2012

Pedal 19-06-2012 Transbrasiliana BR-158, Cruzamento do Despacho, Alto do Cruz

       Com uma previsão de um inverno 20% mais 'molhado' que o normal, e o mesmo começando amanhã, então cada "réstia" de sol tem que ser aproveitada, e condicionamento físico bem meia boca e saindo tarde de casa, quase 15:00, optei por este curto e rápido percurso: Gran Palazzo, Posto Carga Pesada, Transbrasiliana, Comunidade Fauth, Cruzamento da Macumba, alto do Cruz, UPF.
    Com as chuvas dos últimos dias, o Rio Passo Fundo deu uma suspirada, se comparado a última vez que estive ali: Pedal 29-05-2012.




  








   


    Mas nas margens ainda se concentrava grande quantidade de esgoto parado, e acredite, uma grande quantidade de peixes 'saltitando' para se alimentarem de pequenos insetos que estavam por ali, mas com toda a poluição do rio não duvido que se pesque um peixe como o do seriado Simpsons, cheios de mutações genéticas pela poluição da usina nuclear.
     Tentei fotografar ou filmar o fato mas não tive exito, continuei o pedal na grande lixeira que se transformou as margens da BR.
Zoom.
  















  










   
                        Os campos voltaram a ter a pastagem totalmente verde, dando um ar de 'Campos de Cima da Serra'.
   Ao sair da BR, já na Comunidade Fauth, os primeiros sinais de barro, mas nada que desse direito a 'sujar a poupança'.
Comunidade Fauth.
Zoom.
Mais Zoom.














  
   O Cruzamento do Despacho agora está limpo, e as placas ameaçando as possíveis 'desovas' de macumba continuam lá, a natureza agradece. Dali até o Alto do Cruz finalmente as britas 'se acomodaram' formando dois trilhos dos pneus dos veículos, então, depois de muito tempo, deu para descer 'sentando o chulé'.
Parece um disco de vinil, mas é o sol escondido entre as nuvens.
Alto do Cruz.
     Sai da vila, fui nas 'colônhá', para um cusco me avançar no centro, na subida da Avenida Brasil, em frete ao Center Cátia, só acontece comigo...
    No total foi quase 41Km em 2° 13' pedaladas a uma média de 18.3Km/h.
           
          "Deveriam me julgar pelo meu caráter,
                       mas me julgam pelo meu bolso.
                             Ai é difícil ser o queridão!"                                                         Kusma.

2 comentários:

  1. Bike consertada ou resolveu trocar? Um abraço e boas pedaladas!

    ResponderExcluir
  2. Consertada, magrela nova deve demorar ainda.

    ResponderExcluir